onnix@onnix.com.br

 

(51) 2136.7575

 

(Ouvidoria) 0800 7017576

 

Rua General Câmara, 243 Conj. 502 

Porto Alegre/RS - Brasil
google maps

News

Oscilação do dólar: ondas turbulentas e incertas

Oscilações na cotação do dólar devem voltar a ser uma preocupação dos brasileiros este ano, juntamente com a disputa eleitoral. O cenário é de incertezas políticas,  pelas alta dos juros nos Estados Unidos. Aqui, ainda restam dúvidas sobre a reforma da Previdência. Cerca de cem instituições financeiras ouvidas pela Banco Central esperam que o dólar termine o ano cotado a R$ 3,30. As opiniões divergem, mas o único consenso é de turbulência pela frente.

Veja o que dizem os grandes nomes do mercado

Dólar tem leve alta em cenário de incertezas

A eleição presidencial americana desse ano deixou um quadro de incerteza, especialmente na economia. O dólar sofreu uma alta, subindo de 0,09% a R$ 3,9032. De acordo com o G1 Na mínima do dia, chegou a R$ 3,8675 e, na máxima, a R$ 3,9260. Toda essa incerteza também contribuiu para  que o principal índice de ações da B3 terminasse a sessão em queda de 0,34%, a 76.818 pontos.

A alta dos juros dos Estados Unidos no Brasil e seus efeitos

A elevação dos juros básicos para a faixa de 1,75% a 2% ao ano, decidido na última semana pelo Federal Reserve (FED), o Banco Central dos EUA, é apenas mais um dos aumentos que devem vir.